Investir em campanhas de mídias pagas são gastos sem sentido? Muitas vezes, somos direcionados a pensar que sim, principalmente se o resultado de uma campanha foi negativa e o seu ‘’ROI’’ foi por água a baixo. Este é um dos motivos que nos leva a pensar em desistir de anunciar na internet e nas redes sociais.

Porém, eventualmente temos que deixar os sentimentos, noções e emoções de lado e preocupar com o valor que os dados nos dão para ir em busca de uma estratégia que seja assertiva. É bom seguir aquela regra básica ‘’menos emoções e mais dados’’.

Os famosos testes A/B são o ponto de partida para descobrir aonde podemos melhorar a análise dos resultados das campanhas feitas no Facebook especificamente.

Mas, como funciona um teste A/B?

O objetivo principal de um teste A/B é realizar uma análise e comprara um anúncio original (versão A) com suas variações (versão B), em um determinado período de tempo, para chegar a uma conclusão sobre a hipótese que as variações desse anúncio podem fazer. Ou seja, com base nos dados estatísticos apresentados, será possível escolher uma versão ‘’vencedora’’, com o melhor layout e formato, encontrando as oportunidades das características que possuem um desempenho melhor do que as outras.

No caso dos anúncios no Facebook, é interessante que se faça o comparativo de 5 variáveis para alcançar os melhores resultados, que são:

  • 1 – Imagem
  • 2 – Texto do anúncio
  • 3 – Botões de CTA
  • 4 – Interesses
  • 5 – Localização do anúncio

Vamos entender melhor?

[Variável 1] – Imagem

Ela influencia bastante uma pessoa a continuar ou não a ver o seu anúncio. E é a primeira variável que pode ser testada na otimização da sua peça:

# Use cores diferentes

Existem vários estudos que falam sobre o poder das cores e como elas influenciam em um processo de venda. Um anúncio que possui diversas cores em um mesmo lugar é mais efetivo que um outro que tenha menos cores? Teste!

# Rostos de pessoas sorridentes

Imagens de rostos de pessoas podem ser efetivas para chamar a atenção das pessoas? Geralmente o que observamos de alguns bancos de imagem é que o uso de homens, mulheres e crianças sorridentes é o suficiente para capturar o interesse das pessoas para o seu texto. Entretanto nem sempre essas imagens vão fazer sentido para o seu negócio, e em algumas situações serão até irrelevantes. Portanto, é importante identificar se o uso do modelo de imagem tem relação e relevância com o seu negócio.

Post_5_variaveis_FB_imagem #1

[Variável 2] – Texto do anúncio

O texto de anúncio para o Facebook pode ser definido em três partes:

# Headline 

Depois da imagem, a headline de 25 caracteres é um dos fatores que mais chamam a atenção no anúncio. Você pode iniciar com títulos fortes, atraentes e até mesmo desafiadores, o qual capture a atenção das pessoas logo após elas visualizarem a imagem. Dica: verbos que orientam para uma ação é um dos recursos, exemplo: confira agora, assista agora, saiba mais.

# Corpo (texto do post) 

É aquele lugar em que você pode explorar um pouco mais sobre o que você diz e como você diz em relação ao produto ou serviço que está anunciando. O ideal é sempre manter a objetividade, com clareza nas ideias e no produto9/serviço oferecido. E siga a regra: menos é mais!

A utilização de menos palavras no corpo do texto, significa um maior entendimento e retorno por parte de quem vai clicar no seu anúncio.

# Descrição (texto abaixo da headline) 

Essa é a parte onde você justifica melhor o seu headline. Apesar de ter a menor fonte dentre as outras partes do anúncio, se possuir erros será percebido em toda a peça.

Post_5_variaveis_FB_imagem #2

Dica: associar o seu produto com alguém conhecido ou referência no assunto, gera credibilidade e faz toda diferença para quem ainda tem dúvida. Outra dica é utilizar a prova social, como depoimentos ou dados estatísticos de fãs/seguidores.

[Variável 3] – Botões de CTA

O Facebook dá algumas opções interessantes de botões de chamada para a ação (CTAs). São eles:

  • Reservar agora
  • Usar aplicativo
  • Fale conosco
  • Jogar
  • Comprar agora
  • Cadastre-se
  • Assistir vídeo

O teste entre um anúncio que não possui CTA, com algum que possua um “Cadastre-se” ou “Comprar agora” pode trazer diferentes resultados e ideias para novas ações nas campanhas, visando aumentar o ROI das mesmas. Número de cliques, conversões e outros indicadores de desempenho dos calls to action podem ser um teste de eficiência a mais para a sua publicidade.

Post_5_variaveis_FB_imagem #3

[Variável 4] – Interesses

Não são apenas as características diretas de um anúncio que irão mostrar o que precisa ser otimizado. Os recursos de interesse na segmentação do Facebook Ads podem trazer análises que mudam o rumo de uma campanha.

O Facebook mede interesses baseado em:

  • Interesses listados
  • Atividades
  • Educação e cargos
  • Páginas (fan pages) que as pessoas curtem
  • Aplicativos que as pessoas usam
  • Grupos que elas participam

Post_5_variaveis_FB_imagem #3 cópia

Dica: para ter uma estratégia poderosa é necessário fazer testes e mais testes.

[Variável 5] – Localização do anúncio

A coluna direita funciona melhor do que a Linha do tempo para anunciar no Facebook? Para responder está questão, somente fazendo testes e mais testes.

O Facebook possui quatro opções de localização de anúncios e cabe a você entender qual a melhor forma de utilizá-los:

  • Linha do tempo Mobile
  • Linha do tempo Desktop
  • Coluna Direita
  • Personalização para dispositivos móveis

Post_5_variaveis_FB_imagem #3 cópia 2

Dica: Se você está usando a mesma configuração de anúncio na rede há muito tempo e as métricas estão caindo, talvez seja a hora de mudar o local em que ele aparece. Se a landing page ou o seu site não é responsivo, não há motivos para escolher a linha do tempo mobile.

O que podemos concluir?

Não existe uma fórmula para campanha perfeita no Facebook e a prova disso são os pequenos detalhes e dicas que apresentamos neste post. Estes ajustes podem fazer a diferença no sucesso de sua campanha no Facebook Ads.

O mais importante nos testes A/B de anúncios no Facebook é que cada variável deve ser testada por vez, e não todas ao mesmo tempo, pois só assim é possível mensurar o que cada elemento apresentou como resultado e assim, aperfeiçoar as próximas campanhas, melhorar indicadores de desempenho e atrair mais leads.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre como planejar e estruturar os seus anúncios no Facebook, que tal entender mais sobre as redes sociais mais eficazes para o seu negócio? Baixe o nosso e-book e descubra!