Como o Web Analytics pode melhorar o seu SEO

Como qualquer empresa que se encontra a caminho da maturidade digital já sabe, o SEO é um dos fundamentos prediletos do marketing digital. Baixos custos, retornos e conversões perenes e retorno de tráfego – ora, o que um profissional da área ia querer mais!

Neste cenário, um posicionamento forte em Web Analytics pode agir como um catalizador de resultados, aumentando a eficiência e o foco de seus esforços em SEO. Assim, sua campanha terá a usual qualidade, popularidade e níveis de engajamento, mas com uma alocação de recursos mais sofisticada. Veja só como funciona!

Analytics integrado ao Search Console para dados ricos

O Google Analytics (GA) não proporciona uma boa ideia das palavras-chave mais procuradas. Mas como o GA pode ser integrado com o Google Search Console, você pode navegar por relatórios com informações sobre estas pesquisas. Isso irá revelar parâmetros de palavras-chave junto com seus cliques, impressões, e outros dados úteis. Feito isso, você pode ter insights sobre quais palavras-chave as pessoas buscaram no Google para chegarem ao seu website.

Web Analytics em busca da palavra-chave perfeita

Você pode vincular o Adwords ao Analytics para gerar dados preciosos quanto às suas melhores keywords. Isso é possível porque, através de informações do AdWords, o GA cria relatórios com as palavras-chave que geraram tráfego, vendas e conversões em seu site.

Pense em palavras-chave, mas também em páginas

É isso mesmo. Desde 2011, parte considerável do tráfego de palavras-chave passou a ocorrer através de buscas anônimas. Por causa disso, dados relacionados a keywords podem ser difusos e obscuros em algumas ocasiões. Neste cenário, o tráfego a nível de página oferece insights preciosos para avaliar as melhores estratégias de SEO. Analisando as páginas que geram maior nível de tráfego e conversão, você terá informações preciosas quanto aos níveis de maior performance dentro de seu website, podendo tomar decisões estratégicas para o futuro.

Não esqueça das buscas internas

Através da análise de buscas orgânicas e comportamento, você pode encontrar os termos de busca usados pelos usuários que chegaram diretamente ao seu site. Use estes termos para refinar sua estratégia de conteúdo ou criar novas ideias. Além disso, você pode somar uma dimensão secundária para identificar qual a página de destaque para cada palavra-chave interna de seu site. Para que isso seja possível, mantenha sua busca interna sempre acionada nas configurações.

Qualidade é o que interessa

A experiência de usuário é um fator cada vez mais importante no ranking do Google, e a qualidade do conteúdo do site, por sua vez, é um fator determinante neste sentido. Por isso, duração de sessão e bouce são métricas importantes que irão mostrar se seu conteúdo é efetivo e útil para os usuários. Além disso, dados relacionados ao conteúdo de seu site podem ser úteis ao proporcionarem insights sobre as categorias/sessões mais populares.
Uma boa estratégia de Web Analytics é excelente, mas não é o bastante para fazer seu SEO chegar às alturas. Clique no banner abaixo para baixar grátis nosso conteúdo especial e veja tudo o que você precisa saber para se destacar no pagerank do Google.

Sem comentários

Deixe seu comentário

Quer saber se sua empresa tem maturidade digital para competir?

SOLICITE SUA AVALIAÇÃO AGORA!