Como ter boas ideias em marketing de conteúdo

Mesmo com o constante avanço de ferramentas que auxiliam na produção e manutenção de conteúdo relevante e devidamente adequado aos princípios de SEO, um fator-chave ainda não foi automatizado: a criação. É isso mesmo, máquina, programa ou aplicativo algum chegou a superar a capacidade humana de ter ideias.

E a criatividade é um diferencial e tanto dentro do contexto de marketing de conteúdo. Boas ideias podem levar uma ação ao sucesso, enquanto conteúdos e produtos interessantes podem acabar passando em branco por não terem um approach criativo que chame a atenção do público buscado.

Quer saber como fomentar o potencial criativo de sua equipe ao máximo, gerando as ideias mais inovadoras dentro de seu ambiente corporativo? Veja estas sete dicas que selecionamos para você!

Não se repita (muito)

Todo mundo conhece a máxima “em time que está ganhando não se mexe”, e, ok, até certo ponto, é verdade. Porém, insistindo na analogia, um time incapaz de mudar dificilmente irá vencer um campeonato. Muitos responsáveis por canais de conteúdo costumam reutilizar ideias que deram certo previamente à exaustão. Por mais que isso funcione a curto ou médio prazo, em um momento esse posicionamento (ou a falta dele) inevitavelmente levará uma armadilha: o conteúdo formulaico.

Lembre-se, seu canal tem seguidores que o consideram referência no tema proposto. Insistindo em um modelo “vencedor”, você corre o risco de perder seguidores, que reconhecerão a utilização de uma “fórmula” em detrimento à qualidade do conteúdo.

Busque novos ângulos ainda não abordados por suas ações. Conteúdos que podem responder perguntas de seu público que você ainda não explorou. Abuse de formatos como vídeos e infográficos e revalide dados antigos de sua empresa em uma nova roupagem atraente para os consumidores. Em outras palavras: renove-se.

Pesquise, busque inspiração. Não copie

Como todos sabemos a esta altura, a internet é uma fonte infindável de conteúdo! E isso significa inúmeros conhecimentos e opiniões compartilhados em diferentes linguagens e plataformas. Use e abuse desse conteúdo! Conheça diferentes pontos de vista, concorde, discorde, discuta (mas não perca a cabeça!).

Só não vá fazer uma coisa: copiar. É fácil cair na armadilha de copiar o conteúdo de outro site e achar que “ninguém vai notar”. Não caia nessa. Em primeiro lugar, é antiético, em segundo, seu usuário é qualificado. Não pense que ele acessa apenas seu website. Ele também busca informações em outros canais e, imagine a decepção que seria descobrir que uma preciosa fonte de informações andou plagiando conteúdo de terceiros!

Ao invés disso, troque informações, use links externos e os aproveite para criar um bom relacionamento com canais parceiros. Assim, você ganha em credibilidade e, de quebra, estende sua rede de abrangência.

Diga algo novo, seja específico

Não faça parte do ruído! Como já vimos, a internet é uma fonte quase infindável de informação. Quem busca respostas para uma pergunta, irá se deparar com centenas ou milhares de websites com conteúdo relacionado. Então, fuja de conteúdos óbvios que o põem em um páreo concorridíssimo.

Busque responder questões inovadoras, específicas! Não foque no tópico, mas no sub-tópico, na cauda-longa. Assim, fica muito mais fácil atender às necessidades de usuários especializados, adequados ao seu perfil, e ser encontrado nos mecanismos de busca.

Diversifique-se: à procura do conteúdo mais atraente

Foi-se o tempo em que investir em novas mídias custava uma fortuna. Hoje em dia, materiais gráficos ou vídeos não só deixaram de exigir orçamentos astronômicos como oferecem resultados bastante satisfatórios.

Conteúdos criativos e lúdicos costumam gerar um bom volume de compartilhamentos espontâneos, dando maior alcance e credibilidade para seu conteúdo. Segundo o Cisco’s Visual Networking Index, até 2019, vídeos devem representar 80% do volume de conteúdo na internet. Já uma pesquisa realizada pelo HubSpot apontou que 59% dos usuários preferem ver um vídeo sobre o produto pretendido a ler um texto.

Além disso, saiba chamar seu conteúdo. Prepare títulos que atendam as regras de SEO, mas lembre-se que, após passar pelo crivo do mecanismo de busca, ele deve ser atraente para um usuário humano, com costumes e características próprias. Não seja frio: use palavras-chave, mas dialogue com o ser-humano, não apenas com a máquina! É este esforço final que conquistará um novo seguidor para seu conteúdo.

Essas foram algumas dicas de como buscar novas ideias para seu canal ganhar destaque na web. Continue acessando o nosso blog para mais informações de qualidade!

Sem comentários

Deixe seu comentário

Quer saber se sua empresa tem maturidade digital para competir?

SOLICITE SUA AVALIAÇÃO AGORA!